28 nov/17

Marcelo Jabur e Roberto Edson apresentam Palestra com Humor, em Ribeirão Preto

postado por Diogo Branco

A programação acontece nesta quarta-feira (29), às 19h30, no Teatro SantaRosa e é direcionada a profissionais de diferentes áreas e atuações



Ribeirão Preto (SP), 28 de novembro de 2017 -
 O Teatro Santarosa, em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, recebe o professor da FGV e palestrante Marcelo Jabur e o humorista Roberto Edson para a Palestra com Humor com o tema “Faça seu melhor, agora! O Caminho para as Mentes Vencedoras”. O evento será realizado na próxima quarta-feira (29), às 19h30. O teatro fica na 
Praça Rotary Club, 325 – na City Ribeirão.

 

A proposta dos dois profissionais é mostrar como funciona a mente das pessoas vencedoras e apontar as diferenças entre os que usam a mente e o pensamento para evoluir e aqueles que ficam parados.  A palestra aponta disciplinas para uma performance de alto desempenho e ensina como evitar as armadilhas que tiram o profissional de seu foco de crescimento, tais como o desânimo, o desperdício de tempo, a falta de planejamento. “Vivemos em um mundo de constantes mudanças e as pessoas que não evoluírem ficarão para trás no mercado de trabalho", comenta Marcelo Jabur.

 

O humorista Roberto Edson vai interpretar três personagens, que dialogam com a  fala do palestrante e exemplificam situações cotidianas, que são destacadas pelo palestrante Marcelo Jabur.“Esse formato é bem interessante porque as pessoas têm um misto de mensagens técnicas com um show de humor. A interação também faz com que se reforcem os conceitos abordados na palestra”, explica  Roberto Edson.

 

O Teatro Santarosa possui capacidade de 198 lugares. Está localizado no bairro City Ribeirão, na Praça Rotary Club, 325. Mais informações pelo telefone 16. 3916 1350. A classificação é livre e os ingressos antecipados custam R$ 60,00.

 

Serviço

O que: Palestra com Humor "Faça seu melhor, agora! O Caminho para as mentes vencedoras!

Data: 29 de novembro

Horário: 19h30

Local: Teatro SantaRosa

Ingressos : R$ 60,00 antecipado

 

Palestrante: Marcelo Jabur

Marcelo Jabur é professor e palestrante de cursos de Pós Graduação e em treinamentos corporativos pelo Brasil há mais de 20 anos. Atua como coach executivo junto a gestores de empresas dos mais variados segmentos. É doutor em Psicologia pela USP, onde desenvolveu trabalho que verificou a relação entre a “Competência Profissional” e “Atributos da Personalidade”. É Mestre em Ciências do Esporte pela UNICAMP. Sua formação em Coach Executivo e Pessoal é pela Lambent do Brasil, sendo membro da International Coaching Community. É professor da Fundação Getúlio Vargas (MBA-FGV Management) em Aspectos Comportamentais da Gestão de Pessoas, Visão Sistêmica e Processo Decisório, Liderança Criativa e Motivação de Equipes Comerciais e Gestão de Competências Gerenciais. É autor dos livros “Escolher ou Ser Escolhido – Qual é a opção para sua carreira?”, pela Editora Roca e “Liderança Generosa – Gestão para o alto rendimento e satisfação” pela Editora Saint Paul. É diretor da “Instrumenta – Consultoria e Desenvolvimento Humano.

 

Humorista: Roberto Edson

Com mais de 20 anos de carreira artística, o comediante Roberto Edson apresenta-se por inúmeras cidades de todo Brasil, em teatros, hotéis e convenções; atendendo a empresas dos mais variados setores. Protagonizou durante sete anos o personagem “Chico Lorota” do programa Caminhos da Roça que é exibido pela EPTV – afiliada da Rede Globo. Protagonizou também o mesmo personagem no Programa Raízes da Terra da TV Record.

É constantemente convidado a participar de campanhas publicitárias, emprestando sua imagem e voz a divulgação de diversos produtos. Por si só, Roberto Edson é um espetáculo à parte. Mas quando "encarna" personagens criados por ele mesmo, o riso fica incontrolável. A partir de figuras facilmente encontradas pelas ruas, mas com características muito bem aproveitadas pelo humorista, suas apresentações contam com três personagens: “Chico Lorota”, “Leonel Jornaleiro” e “Saideira”. De qualquer forma, você estará muito bem acompanhado com esses personagens, criações mais que engraçadas de Roberto Edson.

21 nov/17

BEACH RATS - CRÍTICA DE FILME

postado por Mateus Barbassa



É sabido o quanto a exigência de uma performance de masculinidade causa estragos em nossa sociedade, mas raros filmes conseguem tocar nesse assunto de maneira tão contundente, dolorida e cinematograficamente bela quanto “Beach Rats”. Talvez porque tenha sido escrito e dirigido por uma mulher? Sim. Pode ser. O que Eliza Rittman propõe em seu filme já foi retratado bastante vezes no cinema. Mas é o olhar do artista que transforma a realidade. E esse olhar faz toda a diferença aqui. O enredo é quase um clichê: garoto se “descobre” gay e não sabe como lidar com seu desejo. Basicamente é isso. No entanto, o mais importante está na entrelinhas. Frankie é um cara como todos os outros de seu bairro. Vestem-se igual (bermudas largas, camisetas cavadas e correntes pesadas no pescoço) e parecem não querer nada da vida. Vivem meio como zumbis, malham muito, vão à praia, pegam umas meninas e usam bastante drogas. Fazem tudo isso nos limites do seu bairro. Essa é a vida deles. Frankie apesar de ser exatamente igual aos seus amigos, esconde um secreto. Ele não tem nenhum desejo por mulheres. Para extravasar a avalanche sexual que ele traz dentro de si, busca parceiros em chats gays na internet. Sua predileção é sempre a mesma; homens mais velhos e que façam uso de drogas. A necessidade de usar drogas e não ter dinheiro para isso é usado como uma desculpa para esses encontros. Quando é perguntado se é gay, ele sai com um “eu não sei do que gosto”. Ao longo do filme, fica muito claro do que ele gosta, mas prefere não enxergar, para não sofrer mais. Só que é impossível manter-se a salvo num ambiente tão homofóbico quanto o seu. A tensão para se adequar ao que se supõe ser masculino cobra um preço altíssimo e a autodestruição pode ser um caminho sem volta.

O que a diretora propõe com seu filme é um estudo doloroso de personagem confrontado com seu meio social. É triste! Triste demais. Algo comparado com o que senti ao assistir ao documentário “The Mask You Live In” que apresenta as consequências desastrosas dessa masculinidade tóxica tanto para os próprios homens, quanto para as mulheres que sofrem com a violência e os abusos deles. E todo o erro está lá na base, na ausência de uma educação verdadeiramente libertadora, na diferenciação de como educar meninos e meninas. Está tudo lá. Tem um texto do escritor transexual Paul Beatriz Preciado que disseca todo esse processo:

"A criança é um artefato biopolítico que garante a normalização do adulto. A polícia do gênero vigia o berço dos seres vivos que estão por nascer, para transformá-los em crianças heterossexuais. A norma faz sua ronda em torno dos corpos frágeis. Se você não for heterossexual, a morte o espera. A polícia do gênero exige qualidades diferentes do garotinho e da garotinha. Ela molda os corpos a fim de desenhar órgãos sexuais complementares. Ela prepara a reprodução, da escola até o Parlamento, industrializa-a."



Frankie vivencia tudo isso na pele de maneira muito solitária. Ele não pode se abrir com ninguém. O ambiente em sua casa também não ajuda em nada. Seu pai está morrendo de câncer. Sua mãe parece viver num estado de catatonia esperando a morte desse homem que nada sabemos a respeito. A irmã mais nova está dando os primeiros sinais de uma sexualidade precoce. Ele só tem os caras mais velhos da internet e as drogas. Mais nada. Mas é pouco. Não supre. Não dura muito. Logo toda a angústia volta a cobrar seu alto preço. E ele precisa de mais drogas, mais caras, mais sexo despido de qualquer libertação. Até porque esses homens com os quais ele transa, não o enxergam de verdade. Só veem nele um rostinho bonito e um corpinho sarado. E é triste. Porque visivelmente ele queria ser mais. Mas é assim que ele precisa se vender, porque, do contrário, não terá ninguém para comprar. O desejo como mercadoria, como moeda de troca. Tantos vivem assim, não é mesmo?



O mais triste é que o personagem até tenta romper as portas do seu armário e expressar sua sexualidade mesmo que de maneira rudimentar (comentários, brincadeiras com amigos) mas só recebe respostas extremamente negativas e intolerantes que o fazem cada vez mais mergulhar nessa necessidade de performar uma masculinidade totalmente doentia. Ele então se vê obrigado a arranjar uma namorada para apresentar para os amigos e família. E repito: É tão triste! Porque o papel da mulher nesse ambiente de masculinidade tóxica é de uma mera figuração, um arremedo, um remendo para algo que não tem, nem terá qualquer possibilidade de salvação. Todos sairão perdendo. É uma luta inglória. Nem luta é. É apenas uma vivência sorumbática, vazia, errática. O texto da filósofa americana Marylin Frye é a definição mais certeira disso tudo que estamos vivenciando até aqui:

“Dizer que um homem é heterossexual implica somente que ele mantém relações sexuais exclusivamente com o sexo oposto, ou seja, mulheres. Tudo ou quase tudo que é próprio do amor, a maioria dos homens hétero reservam exclusivamente para outros homens. As pessoas que eles admiram; respeitam; adoram e veneram; honram; quem eles imitam, idolatram e com quem criam vínculos mais profundos; a quem estão dispostos a ensinar e com quem estão dispostos a aprender; aqueles cujo respeito, admiração, reconhecimento, honra, reverência e amor eles desejam: estes são, em sua maioria esmagadora, outros homens. Em suas relações com mulheres, o que é visto como respeito é gentileza, generosidade ou paternalismo; o que é visto como honra é a colocação da mulher em uma redoma. Das mulheres eles querem devoção, servitude e sexo. A cultura heterossexual masculina é homoafetiva; ela cultiva o amor pelos homens.” 
 
Triste. Muito triste. 




Mateus Barbassa é ator, diretor teatral e crítico de cinema

09 nov/17

Coldplay se apresenta para crianças no Instituto do Coração em São Paulo

postado por Diogo Branco

Banda britânica fez um 'show particular' para crianças na brinquedoteca do setor de cirurgias infantis do hospital
 


Após se apresentar no Allianz Parque, em São Paulo, o Coldplay fez uma surpresa para as crianças que estavam no Instituto do Coração do Hospital das Clínicas na última quarta-feira, 9.
 
A banda britânica se apresentou na brinquedoteca do setor de cirurgia infantil do hospital, e uma das músicas cantadas foi Viva la Vida. A apresentação foi reservada às crianças. 

08 nov/17

Shampoo oferece espaço exclusivo para homens

postado por Diogo Branco

Nova sala reservada para o público masculino será comandada pelo profissional Rafael Pavini, filho da hairstylist Eliane Pavini. Inauguração acontece no dia 09 de outubro



Shampoo Intercoiffure Eliane e Rafael Pavini oferece neste mês mais uma novidade: um espaço reservado especialmente para os homens sob comando do profissional Rafael Pavini, filho da hairstylist Eliane Pavini. A inauguração da barbearia aconteceu nesta segunda-feira, dia 06 de novembro.
 



O novo espaço, que fica dentro do salão, será reservado ao público masculino que poderá conversar e interagir enquanto aguardam o atendimento. O espaço, projetado pelo arquiteto Eduardo Figueiredo, traz referências londrinas, além de mobiliários peculiares, entre eles, um lavatório exclusivo – desenvolvido pelo próprio arquiteto. “Todos os acessórios remetem ao universo masculino. Tivemos um cuidado especial neste projeto, pois queremos oferecer um espaço de descontração num ambiente de beleza”, explica Rafael Pavini. Segundo ele, a proposta é oferecer um local privativo, aconchegante e moderno ao mesmo tempo. “E, claro, com as principais tendências internacionais em barbearia e cortes de cabelo masculino”, adianta o profissional.
 
Barbearia -  As novidades em barbearia são muitas: para quem procura mais conforto na hora de fazer a barba, o salão oferece um serviço diferenciado de barbearia com navalha, incluindo tratamento completo de cuidados. “Ao invés do homem fazer a barba em casa e poder se machucar, ele vem até o salão e tem um cuidado profissional, incluindo barba, massagem facial, esfoliação e toalha quente que irão suavizar o rosto e evitar irritações, além do creme para relaxamento da pele”. Os cuidados levam somente meia hora.
 
RAFAEL PAVINI
No ano passado, Rafael Pavini passou cinco meses em Londres para a realização do curso de cabeleireiro profissional na academia Toni e Guy Beginers Course London Academy, considerada a melhor do mundo no ramo. Também já participou de workshop color em modelos, na Holanda, promovido pela marca holandesa de produtos profissionais, Keune Haircosméticos. No ano passado, Rafael fez o curso Barbering Courses & Training, no London School of Barbering.


Isabela Ginato e Rafael Pavini



Kadu e Francisco Leonardo



Lívia Borges e Luiz Octávio

 

O Shampoo Eliane e Rafael Pavini fica na Rua Floriano Peixoto, 1471, Boulevard, em Ribeirão Preto (SP).  Telefone (16) 3610-2240.
 

08 nov/17

Inauguração do espaço masculino do salão Shampoo

postado por Diogo Branco

O Farofa Cultural esteve presente na inauguração do espaço exclusivo para homens do salão Shampoo. A inauguração do espaço, que será comandado pelo profissional Rafael Pavini, aconteceu na última segunda-feira, dia 06/11, e contou com a presença de convidados e imprensa.


O profissional Rafael Pavini, e Isabela Ginato



DIOGO BRANCO E THIAGO MOURA
Diogo Branco e Thiago Moura


As principais tendências internacionais em barbearia e cortes de cabelo masculino estarão neste novo ambiente. O profissional Rafael Pavini esteve em Londres no ano passado, onde fez um curso de cabeleireiro na academia Toni e Guy Beginers Course London Academy, considerada a melhor do mundo no ramo. Também já participou de workshop color em modelos, na Holanda, promovido pela marca holandesa de produtos profissionais, Keune Haircosméticos. No ano passado, Rafael fez o curso Barbering Courses & Training, no London School of Barbering.

O espaço foi pensado carinhosamente para aqueles clientes que desejam um pouco mais de conforto e privacidade, num elegante ambiente, decorado pelo arquiteto Eduardo Figueiredo. O ambiente traz referências londrinas, além de mobiliários peculiares, entre eles, um lavatório desenvolvido pelo
próprio arquiteto. Vale a pena conhecer!









Desejamos muito sucesso para esta nova etapa do salão Shampoo!




08 nov/17

Somos Tão Jovens - Tributo Legião apresenta show “Que País é Este – 30 Anos”

postado por Diogo Branco

Em novembro de 2017, quando se completam 30 anos do lançamento de um dos principais álbuns da banda Legião Urbana, o Somos Tão Jovens – Tributo Legião resolve prestar mais esse tributo ao grupo. Show acontece no dia 18 de novembro, às 21h30, no Teatro Minaz, em Ribeirão Preto



O grupo “Somos Tão Jovens – Tributo Legião” se apresenta, mais uma vez, em Ribeirão Preto, desta vez, com o show especial “Que País é este – 30 anos”, em comemoração ao lançamento do álbum da banda em 1987 - que continua atualíssimo, com letras e canções que parecem refletir o Brasil de hoje. A apresentação acontece no dia 18 de novembro, às 21h30, no Teatro Minaz. O show ainda trará, além das canções do disco, outros vários sucessos da Legião Urbana que marcaram o rock nacional.
 
A banda trabalha no espetáculo há cerca de 90 dias, ensaiando os arranjos originais e cuidando da produção do espetáculo. O vocalista Sérgio Missão, conta que o grupo fez um forte trabalho de pesquisa para resgatar a história do lançamento do disco, bem como revisitar fatos históricos de um país que convivia com a inflação, que tinha ídolos como Oscar Schmidt e Nelson Piquet e que assistia à criação de uma nova ordem mundial com abertura política que anunciava o fim da União Soviética. “Naqueles tempos havia mais dúvida e mais problemas no nosso caminho, mas a gente nem ligava para isso. Todo mundo queria, mesmo, era se divertir. E o rock da Legião Urbana foi o combustível perfeito para toda a nossa geração.
 
“O objetivo da banda com esse show vai ser levar as pessoas para novembro de 1987, reproduzindo toda aquela atmosfera do final dos anos 1980. Para isso, vamos usar recursos cénicos, efeitos especiais e o melhor rock´n roll ao vivo pra promover essa volta no tempo”, explica Evandro Grili, violonista e guitarrista do “Somos Tão Jovens – Tributo Legião”.  Para ele, fazer esse show está sendo, de alguma forma, como voltar no tempo e ter de novo 15 anos. “O show ainda apresentará sucessos de outros discos da Legião. Depois que ‘Que País é Este’ for executado, do começo ao fim, a ideia é promover uma completa imersão no trabalho da banda de Brasília que conquistou corações dos jovens naqueles tempos”, completa.
 
O GRUPO
“Somos Tão Jovens”, formada para o tributo, estreou em 11 de outubro de 2016, no dia em que se completavam 20 anos da morte de Renato Russo. O show de estreia também aconteceu em Ribeirão Preto, no Theatro Pedro II. De lá para cá, o grupo se apresentou em inúmeras cidades do interior de São Paulo e também em Minas Gerais. Foram mais de 20 shows nesse período, sempre levando o melhor da música e da história da Legião Urbana aos públicos das mais variadas idades. Cidades como Franca, Rio Claro, Barretos, Bebedouro, Pirassununga, Araras, Cerquilho, Serrana e outras no Estado de São Paulo já receberam o espetáculo. Em Minas Gerais o tributo passou por Uberaba e por Botelhos.
 
O “Somos Tão Jovens Tributo Legião” é formado por Sérgio Missão nos vocais, Sandro Resende nas guitarras, Evandro Grili nos violões e guitarras, Eduardo De Lucca no contrabaixo e caçula da banda, o baterista Victor Grili, de apenas 23 anos. Victor relata que “tem sido uma experiência fantástica navegar pelo universo da Legião Urbana e, de certa forma, ser alguém de uma geração seguinte passando o bastão daquele rock que não se faz mais hoje em dia para as pessoas da sua idade”.
 
OS 30 ANOS DO ÁLBUM
“Que País é este – 30 anos” - em novembro de 1987 o rock brasileiro via nascer aquele que seria um de seus discos mais importantes: a banda Legião Urbana lançava seu terceiro disco “Que País é Este”. Depois do sucesso dos dois primeiros LPs, a gravadora pressionou o grupo para o lançamento de um terceiro álbum. A banda nem tinha repertório para um terceiro disco, mas estava obrigada, por contrato, a fazer o trabalho. Foi então que Renato Russo teve a ideia de unir “velhas” canções, compostas no período de 1978 até 1987, dá época do Aborto Elétrico e do Trovador Solitário. Das nove faixas do álbum, apenas “Angra dos Reis” e “Mais do Mesmo” foram compostas para aquele disco. Havia até uma certa preocupação por parte da banda se aquelas canções não soariam desconectadas com tudo o que a Legião tinha feito até ali, especialmente depois do álbum “Dois”, em que todas as faixas foram sucessos consagrados. Mas, o disco explodiu e acabou se tornando um dos mais marcantes da música brasileira. Um verdadeiro marco para o rock brasileiro, que praticamente nascia naquela década de 1980. A censura, que agonizava, mas ainda existia, deixou sua marca no disco. “Faroeste Caboclo” e “Conexão Amazônica” foram liberadas, mas proibidas de tocar nas rádios. Foi o impulso que faltava para que o sucesso do álbum viesse de vez. O esporte preferido dos jovens no verão de 1987/1988 foi decorar uma música de letra quilométrica, que contava a história de João de Santo Cristo, um cara que tinha ido para “Brasília para falar com o presidente, para ajudar toda essa gente que só faz sofrer”. Era o retrato do povo brasileiro sofrido. O disco ainda traz a faixa título “Que País É Este”, de letra forte e atualíssima, além de “Química”, “Tédio com um T bem grande pra você”, “Eu sei” e outras. Canções com forte influência do punk rock inglês e também com uma pitada de folk. Uma mistura mais que perfeita.
 
SERVIÇO:
Show: Tributo “Somos Tão Jovens” – Que País é Este – 30 anos
Data: 18 de novembro de 2017
Horário: 21h30
Local: Teatro Minaz - 
Rua Carlos Chagas, 273, Jd. Paulista, Ribeirão Preto (SP)
Valor: Setor A (parte frontal da plateia): R$ 60,00 (inteiras) / R$ 30,00 (meia)
Setor B (parte de trás da plateia): R$ 40,00 (inteiras) / R$ 20,00 (meia)

Venda online pelo site: www.compreingressos.com ou bilheteria do Teatro Minaz (no dia do show)
Ponto de Venda: Loja Guitar Music Shop, 
Rua Couto Magalhães, 322 - Ribeirão Preto / Tel. (16) 3967- 2422
Classificação: Livre
Link do show: 
https://www.youtube.com/watch?v=5W05UHA6-bM

08 nov/17

Invicta lança primeira cerveja em lata

postado por Diogo Branco

Além do lançamento da Big Boss, cervejaria realiza mais 2 eventos no mês de novembro em Ribeirão Preto



As novidades da Cervejaria Invicta neste final de ano estão a todo vapor. Depois de dois lançamentos no mês de outubro, a PumpKing e a Invicta Pilsener Puro Malte, a Invicta lança no dia 10 de novembro, a Big Boss, primeira cerveja envasada em lata e não pasteurizada da Invicta, que é a versão sazonal da consagrada Boss, com o dobro de lúpulos no dry hopping.

O lançamento da Big Boss acontece das 18h às 00h na loja que é anexa à fábrica. O evento terá música ao vivo, muitas IPAs nas torneiras, visitação à fábrica e entrada gratuita, pagando apenas o que consumir. “Quem estiver na cidade para o Ipaday pode aproveitar a oportunidade e conhecer em primeira mão a nossa mais nova cerveja. É um evento para ir com amigos, com a família, e aproveitar de bons momentos com boa comida e cerveja de qualidade”, explica Rodrigo Silveira, mestre cervejeiro e diretor da Invicta.

Na agenda do mês de novembro ainda tem a Hamburgada, que acontece no feriado do dia 15 e traz como atração, hambúrgueres feitos na brasa para harmonizar com a nova cerveja Invicta Pilsener Puro Malte. O combo promocional com hambúrguer e cerveja sairá por R$19,90. O evento, com música ao vivo, acontece das 11 às 17 horas no Bar da Invicta, na Avenida do Café, 1365

E para fechar o mês com chave de ouro, a cervejaria realiza no dia 18 de novembro, a 4ª edição do Invicta Reload, dia do growler cheio, evento gratuito e aberto ao público, onde, ao comprar um growler de vidro ou cerâmica, o cliente leva gratuitamente 2 litros de pilsener, ou pode ainda, encher com mais 6 estilos de chope a preços especiais. O evento, que acontece na Invicta Store das 9h às 16 horas, terá como atrações musicais, Camila Kerr e Paulinho Zambianchi, DJ, e chopes convidados como Bodebrown com as cervejas Cacau IPA, Perigosa IPA e a witbeer Blanche de Curitiba e Brewdog com a Elvis Juice.

A Cervejaria Invicta fica localizada na Avenida do Café 1881. Mais informações pelo telefone: (16) 3878-1020 ou pela página facebook.com/cervejariainvicta

 

08 nov/17

Garden Music Drops recebe a banda Eletro Rock nesta sexta-feira no RibeirãoShopping

postado por Diogo Branco

A apresentação é gratuita e acontece às 19h30, no Jardim Suspenso do empreendimento



Nesta sexta-feira, dia 10, o Garden Music Drops, festival musical do RibeirãoShopping, recebe a banda Eletro Rock. A apresentação acontece às 19h30, no Jardim Suspenso do empreendimento, com entrada gratuita. Com a chegada do horário de verão, as apresentações do Garden Music Drops são um convite para contemplar o pôr do sol. E para celebrar esse clima de verão, o festival traz uma programação especial durante o mês de novembro, que leva o tema “Summertime”.

A banda Eletro Rock traz um repertório baseado em grandes nomes da pop music internacional, tendo o groove como destaque. O show reúne hits de artistas renomados como Bruno Mars, Maroon 5, Daft Punk, Magic Rihanna, The Weekends, The Chainsmokers, One Republic, Shaw Mendes, Justin Timberlake, entre outros. A banda é composta por Arthur Angelotte no vocal, Camilo Campetti na guitarra e backing vocals, Kaio Rodrigues no contrabaixo e backing vocals e Higor Leite na bateria e backing vocals.

O Garden Music Drops tem o objetivo de celebrar a boa música e gastronomia, promovendo a cultura do encontro e da conectividade interpessoal. Num estilo bem despojado, o deck do Jardim Suspenso disponibiliza puffs, almofadas e esteiras para o público ficar bem à vontade. O evento tem o patrocínio da Cervejaria Colorado.

Serviço:
Festival musical “Garden Music Drops”
Todas às sextas-feiras, às 19h30, no Jardim Suspenso do RibeirãoShopping
Dia 10/11: Eletro Rock
Dia 17/11: Banda Canaviera
Dia 24/11: Gus Duarte Trio
Gratuito e aberto ao público

06 nov/17

Paula Toller regrava hit do Kid Abelha para promover show que virará DVD

postado por Diogo Branco



Paula Toller segue radiante. Desta vez, a cantora regrava A fórmula do amor, para promover o show "Como eu Quero", que está em turnê desde outubro de 2017. A canção é sucesso adolescente da fase inicial do grupo Kid Abelha na década de 1980. Parceria de Leoni com Leo Jaime, a música A fórmula do amor foi lançada em 1985 em gravação feita por Jaime em dueto com Toller para o segundo álbum do cantor e compositor goiano, Sessão da tarde (1985), e em registro fonográfico quase simultâneo feito pelo Kid Abelha para o segundo álbum da banda carioca, Educação sentimental (1985).


O show Como eu quero! vai gerar CD ao vivo e DVD em 2018. A gravação ao vivo está prevista para ser feita em janeiro de 2018, com produção de Liminha.


Nesse show, Paula Toller irá relembrar sucessos do Kid Abelha e músicas da discografia solo que iniciou em 1998.
Imperdível, né?

 

(Crédito da imagem: capa do single A fórmula do amor, de Paula Toller)

06 nov/17

"Trinca de Ases" reúne Gal, Gil e Nando Reis no Centro de Eventos do Ribeirão Shopping

postado por Diogo Branco

O show vai reunir esses três grandes nomes da música brasileira no dia 20 de dezembro, às 21 horas



O Centro de Eventos do RibeirãoShopping recebe um super show no dia 20 de dezembro. Intitulado “Trinca de Ases”, o espetáculo reúne três grandes nomes da música brasileira: Gal Costa, Gilberto Gil e Nando Reis, a moça, o rapaz maduro calejado pela idade e o menino impetuoso e viril, como Gil define os artistas na letra da música que dá nome ao show.

A união destes grandes artistas aconteceu pela primeira vez em Brasília, em homenagem ao centenário de Ulysses Guimarães. Naquela noite de caráter especial, realizada quase sem ensaio, mostrou-se a potência da união: o diálogo dos violões de Gil e Nando, a voz de Gal revendo as canções do amigo baiano e revelando outras cores da estranheza pop do paulistano e sua "música ruiva", que ela nunca tinha cantado.

No show esta potência aparece lapidada – e ampliada. Além de estarem os três o tempo inteiro no palco, em todas as formações vocais possíveis (trios, duetos e solos), eles têm o reforço de dois músicos: o baixista pernambucano Magno Brito, integrante da banda Sinara; e o percussionista baiano Kainan do Jêjê, que trabalha com Ivete Sangalo e também com a Sinara.

Desde o primeiro encontro Gal soa ora clássica (em "Esotérico", na primeira vez em que a apresenta em dueto com Gil), ora nova (em "Segundo sol"), ora ambas (em "Dois rios", parceria de Nando e Samuel Rosa. E não só dois, mais muitos violões, híbridos, surgem quando os instrumentos de Gil e Nando se cruzam, em canções como "Por onde andei" e "A novidade". 

“Lembro quando "Expresso 2222" chegou lá em casa, o impacto que causou. E como aquilo, quando eu comecei a tocar, já estava em mim”, explica Nando Reis, que completa “depois de minha mãe, a voz que mais traçou os contornos de minha música foi a de Gal”, diz o compositor. 

Gal reconhece a descendência ("Nando é nosso filho", brinca). Com Gil, o "pai", ela tem uma longa lista de parcerias: o show "Nós, por exemplo" (1964); o álbum-manifesto "Tropicália ou Panis et circensis" (1968); a turnê dos Doces Bárbaros (1976); o show em Londres (gravado em 1971, mas lançado em disco só em 2014). Nando é o "menino impetuoso", o elemento novo na equação que chega como catalisador, gatilho de outros caminhos – num espetáculo com direção musical do trio e assessoria artística de Marcus Preto, que dirigiu Gal em "Estratosférica". 

Pontos de venda:
Bilheteria do Centro de Eventos e site 
www.ingressorapido.com.br
Informações: 16. 3620-2266


SERVIÇO
Trinca de Ases
Data: 20 de dezembro 
Horário: 21h
Local: Centro de Eventos do RibeirãoShopping

Av. Cel. Fernando Ferreira Leite, 1540 - Jardim Califórnia, Ribeirão Preto/SP

06 nov/17

Sarau dos Médicos Escritores acontece nesta quarta-feira (8/11)

postado por Diogo Branco


Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto promove mais um encontro dos Médicos Escritores. O  evento  acontece a partir das 20h, na sede da Fundação do Livro e Leitura. Participação é aberta e gratuita para interessados em literatura e artes



A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto promove na próxima quarta-feira (8/11) o Sarau dos Médicos Escritores e Amigos Dr Carlos Roberto Caliento. O evento acontece na sede da Fundação, situada na 
Rua Prof. Mariano Siqueira, 81, bairro Jardim América, em Ribeirão Preto (SP), das 20h às 22h.
 
Além de receber médicos e frequentadores assíduos, o evento tem entrada gratuita e abre espaço para amantes da literatura e das artes e interessados em geral. A agenda cultural reúne diversas interpretações de obras literárias, além de apresentações musicais e outras manifestações artísticas. Nelson Jacintho, organizador do Sarau e coordenador de publicações da Fundação do Livro e Leitura, traz no currículo 13 livros editados durante sua trajetória no grupo, com várias premiações. Ele diz que no encontro todos os participantes e escritores apresentam as obras de famosos ou produções próprias.
 
O grupo se reúne há 12 anos em saraus mensais. “Nossa ideia é disseminar a leitura pelos quatro cantos da cidade e em cada encontro receber novas pessoas. Queremos estimular o público a escrever suas próprias obras e levá-las também à interpretação”, explica Nelson.
 
O grupo já desenvolveu vários projetos e produções em conjunto. Uma delas foi o recente livro publicado, lançado em 26 de outubro. Trata-se da antologia “Carpe Diem”, com cerca de 100 poemas e crônicas dos 33 escritores integrantes do Sarau. O Sarau dos Médicos Escritores é aberto à população e a participação é gratuita. Acontece mensalmente na sede da Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto (
Rua Prof. Mariano Siqueira, 81), em Ribeirão Preto (SP), sempre das 20h às 22 horas.
 
Sobre a Fundação
Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos. Trata-se de uma evolução da antiga Fundação Feira do Livro, criada em 2004, especialmente para realizar a Feira Nacional do Livro da cidade.
 
Com uma trajetória sólida e projeção nacional e internacional, a entidade ganhou experiência e, atualmente, além da Feira, realiza muitos outros projetos ligados ao universo do livro e da leitura com calendário de atividade durante todo o ano. A Fundação se mantém com o apoio de mantenedores e patrocinadores, com recursos diretos e advindos das leis de incentivo, em especial do Pronac e do Proac.

04 nov/17

Hoje é dia de Simone Gutierrez em Ribeirão Preto

postado por Diogo Branco



“Lisa, Liza e Eu”
é um monólogo musical cômico que conta a história da personagem Lisa, uma artista em busca de notoriedade e que tem como ídolo a diva da Broadway Liza Minelli. O espetáculo traz também, além da comédia, releituras de grandes sucessos que permearam a trajetória artística e pessoal de Liza, reforçando sua importância para o Teatro Musical, Cinema e Arte. Simone Gutierrez, atriz, bailarina e cantora renomada no cenário brasileiro de Teatro Musical protagoniza este projeto e é acompanhada ao vivo pelo pianista e Diretor Musical do espetáculo Rafael Marão. “Lisa, Liza e Eu” foi escrito por Cacau Hyginoe a Direção Geral é de Edu Berton.Bailarina, atriz, cantora e coreógrafa. Formada em Ballet Clássi
co, Jazz e Sapateado, com Especialização no Institute Open Jar Productions e Broadway Dance Center em New York City. Participou de várias produções no teatro, TV e cinema, tais como: - “Les Misérables” (Ken Caswell); - “A Bela e a Fera” (Robert Roth) - “Ah... se eu fosse Bob Fosse” (Fernanda Chamma); - “Musical dos Musicais” (Wolf Maia); - “Tarzan” (Walt Disney Company – Flórida); - “Hairspray”, como Tracy Turnblad (Miguel Falabella); - “New York, New York” (José Possi Neto); - “Priscila, A Rainha do Deserto” (Simon Phillips); - “AíPod, uma Vídeomusicomédia” (Edu Berton); - “Antes Tarde do que Nunca” (José Possi Neto); - “Uma Luz Cor de Luar” (Fundação Lia Maria Aguiar); - “Tudo É Jazz” “And The World Goes Round”; - “Malhação” (Maria João Gentil); - “Zorra Total” (Dona Amélia); - “Passione” (Lurdinha), novela de Sílvio de Abreu; - “Cheias de Charme”, novela de Filipe Miguez e Izabel de Oliveira; - “Jóia Rara”, novela de DucaRachid e Thelma Guedes; - “Alto Astral”, novela de Daniel Ortiz e Sílvio de Abreu; - “Xilindró” (Regininha), direção de Pedro Antônio.Direção Geral: Edu Berton Elenco: Simone Gutierrez Texto: Cacau Hygino Pianista e Diretor Musical: Rafael Marão Voz Off: Marcelo Médici Voz Off Liza: Simone Gutierrez Coreografia: Adenis Vieira Figurino: Fábio Namatame Maquiagem: Anderson Bueno Cenografia: Voice Produtora Projeções: Xandi Gonzalez Iluminação: André Botto Fotografia: Caio Gallucci Design Gráfico: Simone Gutierrez Assistentes de Som e Vídeo: Hélcio Filho Produção Executiva: Maria Rita Lunardelli Produção Artística: Janaina Xavier Assistentes de Produção: Solange Bueno e Maria Fernanda Lima.SIMONE

30 out/17

10 melhores estreias de Novembro nos cinemas. Confira

postado por Diogo Branco

Novembro está chegando e já podemos dar um spoiler sobre o mês: vem muitos filmes bons por aí!

Já pode comemorar!



Por isso, listamos 10 filmes que serão lançados nas telonas durante o mês. Confira:



1 - Depois Daquela Montanha 


Diretor: Hany Abu-Assad
Data de estreia: 02 de novembro
Sinopse: Alex (Kate Winslet), uma jornalista que está indo preparar seu casamento, e Ben (Idris Elba), um doutor voltando de uma conferência médica, iriam pegar o mesmo avião, mas o voo é cancelado e os dois estranhos decidem fretar um jatinho. Durante a viagem o piloto sofre um ataque cardíaco e o avião cai em uma região montanhosa coberta por neve. Um romance começa a ganhar força enquanto eles tentam sobreviver, feridos e perdidos.



 
2 - O Estado das Coisas


Diretor: Mike White
Data de estreia: 02 de novembro
Sinopse: Brad (Ben Stiller) possui uma carreira lucrativa e uma vida familiar feliz, mas isso não é o bastante. Ele está obcecado em ser o mais bem-sucedido entre os seus ex-colegas de escola, mas, durante um reencontro com um velho amigo, ele é forçado a ignorar seu sentimento de inferioridade e rever seus conceitos.





3 - Liga da Justiça




Diretor: Zack Snyder
Data de estreia: 16 de novembro
Sinopse: Impulsionado pela restauração de sua fé na humanidade e inspirado pelo ato altruísta do Superman (Henry Cavill), Bruce Wayne (Ben Affleck) convoca sua nova aliada Diana Prince (Gal Gadot) para o combate contra um inimigo ainda maior, recém-despertado. Juntos, Batman e Mulher-Maravilha buscam e recrutam com agilidade um time de meta-humanos, mas mesmo com a formação da liga de heróis sem precedentes – Batman, Mulher-Maraviha, Aquaman (Jason Momoa), Cyborg (Ray Fisher) e The Flash (Ezra Miller) -, poderá ser tarde demais para salvar o planeta de um catastrófico ataque.





4 - Uma Razão Para Viver



Diretor: Andy Serkis
Data de estreia: 16 de novembro
Sinopse: A história real de Robin (Garfield), um homem brilhante e aventureiro que fica paralisado por conta da poliomelite. Contra todos os conselhos, ele e sua amada Diana (Claire Foy) se recusam a ser aprisionados pelo sofrimento e vivem uma intensa história de amor, com cada respiração como se fosse a última.






5 - Gosto Se Discute



Diretor: André Pellenz
Data de estreia: 9 de novembro
Sinopse: Em meio ao desenvolvimento de um novo cardápio para o seu restaurante, o chefe de cozinha Augusto (Cassio Gabus Mendes) perde o seu paladar. Ao mesmo tempo em que enfrenta esse problema, ele precisa lidar com a concorrência de um food truck recém-instalado do outro lado da rua.





6 - Sem Fôlego




Diretor: Todd Haynes
Data de estreia: 23 de novembro
Sinopse: Gunlint, Minnesota, 1977. Ao atender um telefonema, o garoto Ben (Oakes Fegley) é atingido pelo reflexo de um raio, que caiu bem em sua casa. Esta situação faz com que seja levado a um hospital em Nova York, onde descobre que não consegue mais ouvir um som sequer. Em 1927, a jovem surda Rose (Millicent Simonds) foge de sua casa em Nova York para encontrar sua mãe, a consagrada atriz Lillian Mayhew (Julianne Moore). A vida destes dois garotos que não conseguem mais ouvir está interligada a partir de um livro de curiosidades, que os leva ao Museu de História Natural.




7 - Boneco de Neve




Diretor: Tomas Alfredson
Data de estreia: 23 de novembro
Sinopse: Quando uma mulher desaparece, a única pista deixada para trás é um cachecol rosa encontrado envolta de um estranho boneco de neve. O detetive Harry Hole (Michael Fassbender) começa suas investigações e percebe que o crime parece obra de um serial killer.




 8 - Assassinato no Expresso Oriente



Diretor: Kenneth Branagh
Data de estreia: 23 de novembro
Sinopse: Várias pessoas estão fazendo uma viagem longa em um luxuoso trem. A paz, entretanto, é perturbada por um acontecimento sinistro: um terrível assassinato. À bordo da composição está ninguém menos que o mundialmente reconhecido detetive Hercule Poirot (Kenneth Branagh) que se voluntaria para iniciar uma varredura no local, ouvindo testemunhas e possíveis suspeitos para descobrir o que de fato aconteceu.





9 - O Estrangeiro




Diretor: Martin Campbell
Data de estreia: 30 de novembro
Sinopse: Quan (Jackie Chan) é dono de um típico restaurantes chinês em Londres, capital da Inglaterra. Após um misterioso ataque de um grupo de terroristas irlandeses ao seu estabelecimento, ele tem sua vida e família devastadas. Sem muito apoio da polícia local, ele vai buscar vingança com suas próprias mãos.




10 - Pai em Dose Dupla 2




Diretor: Sean Anders
Data de estreia: 30 de novembro
Sinopse: Após resolverem suas diferenças, Brad (Will Ferrell) e Dusty (Mark Wahlberg) precisam agora lidar com uma nova situação complicada: a súbita aparição de seus pais (John Lithgow e Mel Gibson), que possuem comportamentos bem diferentes.




Sem desculpas para não ir ao cinema em Novembro, heim?




27 out/17

Centro de Eventos do Ribeirão Shopping recebe musical sobre Renato Russo

postado por Diogo Branco

Apresentação acontece no dia 4 de novembro, sábado, às 21h, e alia música e dramaturgia



Suas músicas marcaram época e embalaram toda uma geração. No dia 4 de novembro os fãs de Renato Russo poderão reviver seus grandes sucessos em um musical que está há mais de 10 anos em cartaz e que, agora, a Virazóm traz ao Centro de Eventos do RibeirãoShopping.

O sucesso do espetáculo “Renato Russo, O Musical” se dá pela combinação perfeita das músicas de Renato Russo, que marcaram toda uma geração, somados à dramaturgia de Daniela Pereira de Carvalho, direção de Mauro Mendonça Filho, iluminação de Wagner Pinto, cenário de Bel Lobo e Bob Neri.

 Além de tudo isso, o espetáculo traz a banda Arte Profana que toca ao vivo para delírio dos fãs, e também para os novatos, que ainda não conhecem a fundo a grande importância do astro do rock nacional no cenário artístico brasileiro. Renato Russo é interpretado pelo ator Bruce Gomlevsky.

A banda Arte Profana é formada por teclado, guitarra, baixo, bateria e ilustra com 22 canções a peça que conta a história de Renato Russo desde a juventude “punk” em Brasília, quando fundou a banda Aborto Elétrico e ficou por dois anos em uma cadeira de rodas até o sucesso da Legião Urbana. O quebra-quebra num show em Brasília e os problemas com drogas estão na encenação.

Depoimentos, reportagens, entrevistas, livros e imagens de shows serviram como base para a concepção da obra biográfica. “Renato é um grande poeta, e é por isso que continua causando comoção nas gerações de hoje. Sua obra gera um impacto enorme na nossa cultura”, afirma Gomlevsky.

Pontos de venda:
Bilheteria do Centro de Eventos e site 
www.ingressorapido.com.br
Informações: 16.3620-2266

SERVIÇO
Musical Renato Russo
Data: 4 de novembro
Horário: 21h
Local: Centro de Eventos do RibeirãoShopping

Av. Cel. Fernando Ferreira Leite, 1540 - Jardim Califórnia, Ribeirão Preto/SP

27 out/17

Ivete Sangalo e MC Livinho: 'Cheguei pra te amar', parceria entre os cantores, ganha clipe; assista

postado por Diogo Branco

Ivete Sangalo convocou MC Livinho para sua nova parceria musical. Depois de gravar com Wesley Safadão, a cantora se uniu ao funkeiro para uma faixa dançante, que mistura reggaeton e zouk.

A música foi gravada em um estúdio em São Paulo. Já o clipe, lançado na tarde desta sexta-feira (27), teve suas cenas registradas em Salvador, com direção de Nixon Freire.